Willing to show your gaming skills and strategies, try out for Pai Gow Poker and Tri Card Poker online at gry hazardowe jednoręki bandyta online. Playing jugar ruleta casino americana online makes easier because rules are available in just one click. Play the http://nettshopping.net/sports-betting-online slot games with the friends and family & win many more prizes.
28 abril 2012

Sessão Curto e Grosso – Aqui é o Meu Lugar

Todos nós precisamos encontrar um rumo para nossas vidas.

Com esse pensamento, a nova ‘dramédia’ dirigida pelo cineasta italiano Paolo Sorrentino, “Aqui é o meu Lugar”, mostra a história de um ex-roqueiro, interpretado brilhantemente pelo ator californiano Sean Penn, rumo à descoberta de novas diretrizes para sua tediosa vida.

A trilha muito agradável, assinada por David Byrne e Will Oldham, coloca o tempero certo para acompanharmos essa interessante trajetória.

O personagem principal é um ex-roqueiro famoso que tem muitas peculiaridades, passando uma empatia fora do comum em cena. Conhecemos Cheyenne em seu casarão na Europa, onde mora com sua mulher Jane e vive uma vida pacata longe das badalações. Hoje em dia o ele vive uma vida limitada e monótona praticando esporte em uma piscina desativada ou indo ao shopping (sempre com sua mala de alça) conversar com uma vizinha, por quem tem um grande carinho.

Começamos a entender melhor as aflições e conturbações que pairam naquela mente após Cheyenne saber do estado de saúde de seu pai. Nessa rota de fuga e liberdade, para achar um homem que fez mal ao seu velho, encontra a grande oportunidade que esperava há tempos: encontrar um novo sentido para sua vida.

Um fator muito interessante, que encaixa como uma luva na história, é a excentricidade da esposa do roqueiro, Jane, interpretada pela ganhadora do Oscar Frances McDormand. Casada a mais de 30 anos com Cheyenne, a profissional do corpo de bombeiros tem cenas hilárias, às vezes praticando Tai Chi Chuan, outras vezes, praticando esporte com o marido.

A atuação de Sean Penn é o verdadeiro destaque da obra. O seu Cheyenne é amplamente inspirado no vocalista Robert Smith, da banda The Cure, tanto que em certo momento, se faz uma clara referencia ao citado cantor. Porém, o trabalho de Penn não é totalmente caricatural, seu personagem tem alma própria. Dá gosto ver como seu perfil vai se delineando a frente dos nossos olhos.

A meu ver, Aqui é o Meu Lugar, é um filme que mesmo cômico é emocional.

Se não lhe pegar pela emoção, ainda assim valerá conferir essa interpretação de um dos melhores atores da atualidade.

Curte filme Cult? Esse longa é uma grande pedida!

 http://youtu.be/yabJ7dpJNeg

Aqui é o Meu Lugar (This Must Be The Place)

Sinopse: Após a morte de seu pai, rockstar aposentado inicia uma busca pelo homem que o torturou anos atrás.
Direção: Paolo Sorrentino
Elenco: Sean Penn, Frances McDormand, Judd Hirsch, Eve Hewson, Kerry Condon
Harry Dean Stanton, Joyce Van Patten, David Byrne, Olwen Fouere, Shea Whigham, Liron Levo.·.
Gênero: Drama
Duração: 118 min.
Distribuidora: Imagem Filmes

 

* Curto e Grosso é a sessão da Central 42 dos reviews de filmes e séries, apresentados de uma maneira rápida, direta e sem muito blá blá blá.
 
Lista de Posts recentes:

 

Apaixonado por Cinema e Quadrinhos.

2 responses on “Sessão Curto e Grosso – Aqui é o Meu Lugar

  1. ilbanês Fernandes disse:

    Um dos assuntos candentes do cinema é o trabalho dos roteiristas. Me interessa a intervenção múltipla de talentos sobre uma mesma história.

  2. Luiz Fernando disse:

    Não consegui gostar do filme
    sean penn e a fotografia do filme são ótimas. mas só isso (minha opinião)
    de resto toda e qualquer critica que o personagem faz se aplica a si proprio. toda a morbidez do filme, é irritante
    o filme não me emocionou, nem me faz abrir um sorriso

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>